sábado, 10 de agosto de 2013

GAME OF THRONES - AS CRÔNICAS DE GELO E FOGO



Game of Thrones  é uma série de televisão americana criada por David Benioff e D. B. Weiss para a HBO. A série é baseada na série de livros A Song of Ice and Fire (As cronicas de gelo e fogo), escritos por George R. R. Martin, com seu título sendo derivado do primeiro livro. Game of Thrones está sendo filmada principalmente no Paint Hall Studios, em Belfast, e em outras localizações na Irlanda do NorteMalta,Croácia e Islândia.

 Martin começou a desenvolvê-la em 1991 e o primeiro volume foi lançado em 1996. Originalmente concebida para ser uma trilogia, a série consiste em cinco volumes publicados, com mais dois planejados. Martin também escreveu três contos derivados e algumas novelas que consistem de resumos dos livros principais.


A série gira em torno de três temas principais na história que interligam-se cada vez mais ao decorrer dos livros: a crônica de uma guerra civil dinástica entre várias famílias concorrentes pelo controle dos Sete Reinos; a ameaça crescente das criaturas sobrenaturais conhecidas como os Outros, que habitam além de uma imensa muralha de gelo ao Norte; e a ambição de Daenerys Targaryen, a filha exilada de um rei assassinado em outra guerra civil ocorrida treze anos antes, prestes a voltar à sua terra e reivindicar seu trono por direito.


George R. R. Martin procurou ler muitos livros sobre as Cruzadas e sobre guerras como a dos Cem Anos e a das Rosas para formar uma sociedade medieval semelhante. O escritor afirmou que, no passado, teve problemas com certos livros que estava lendo porque, apesar de ambientados na Idade Média, nenhum deles respeitava fatos importantes da época, como a baixa expectativa de vida.Para ele, "apesar de ter castelos, princesas e cidades muradas", estes romances apresentavam "a sensibilidade dos norte-americanos do século XX"; ele não tinha interesse em fazer algo deste tipo, mas sim de escrever a combinação do "sentimento de admiração que você tem na melhor fantasia, com o realismo corajoso da melhor ficção histórica". Desta forma, a trama da série se assemelha mais a livros como Ivanhoé, de Walter Scott, e com as obras de Bernard Cornwell do que propriamente com literatura fantástica.


Os livros trazem diversas intrigas políticas, onde várias facções lutam pelo poder em meio ao caos que se instalou nos Sete Reinos. De acordo com Martin, este é o principal tema da série; ele disse: "Tematicamente, o poder está no centro deste sistema — o uso do poder, das influências corruptoras do poder, o que as pessoas vão fazer para obter o poder e o que o poder vai fazer com eles". Críticos e jornalistas desenvolveram outras interpretações da história presente nos romances, analisando-a também por seu uso de alegorias. A mais notória delas seria a semelhança de Westeros com a Europa Ocidental e de Essos com a Ásia e o Oriente Médio. Para Martin, sua saga não traz nenhuma metáfora conscientemente, porém o escritor ressalta que certos períodos pelos quais os Estados Unidos passaram, como o governo de George W. Bush, podem, inevitavelmente, tê-lo influenciado.


Outro fato observado foi que em Westeros cada estação pode durar anos. No decorrer do primeiro livro, os Sete Reinos passam por um verão de quase uma década, e algumas personagens se preocupam com o fato de que o inverno possa durar mais do que isso. Sobre este aspecto, Martin admite que procurou dotar o longo período de duração das estações com alguns significados; o roteirista explicou: "Inverno e verão. [...] Todos temos os invernos em nossas vidas e não significa apenas as estações frias. O verão é uma época de crescimento, abundância e alegria. E o inverno é um período negro, onde você tem que lutar pela sobrevivência". Além de fatos históricos, outros elementos reais também serviram de inspiração para As Crônicas de Gelo e Fogo. A ideia para a criação da muralha de gelo que protege Westeros das criaturas sobrenaturais veio de uma viagem que Martin fez em 1980 pela Escócia, onde o roteirista conheceu o Muro de Adriano — uma fortificação construída pelo imperador romano para proteger o "mundo civilizado" dos "bárbaros" que viviam no norte. Para a sua série, Martin transmutou as ruínas em uma edificação de gelo com centenas de metros de altura.


Os romances de As Crônicas de Gelo e Fogo se inserem no gênero da fantasia épica. Embora George R. R. Martin tenha reconhecido a influência dos livros de escritores consagrados no gênero como J. R. R. Tolkien, Jack Vance e Tad Williams, sua série difere das obras destes por seu maior interesse e utilização de elementos realistas. Desta forma, ao contrário de autores que suprimem certos temas, Martin faz com que batalhas sangrentas, traições, infanticídios e práticas amorais sejam temas recorrentes em todos os volumes. O autor também não tem receio de levar protagonistas à morte, sendo algo que sempre surpreende seus leitores e leva o enredo para caminhos desconhecidos. Por tudo isso, a saga é considerada, sobretudo, como um trabalho destinado ao público adulto.

Cada um dos romances acompanha a evolução da guerra pelo domínio do Trono de Ferro, propriamente iniciada ao final do primeiro volume. A ambientação da história segue uma tradição da fantasia épica, originada por J. R. R. Tolkien, onde tudo acontece em um "mundo fictício medieval" paralelo. Os livros são contados em terceira pessoa, onde cada capítulo segue o ponto de vista de uma personagem diferente e deixa um gancho para o capítulo seguinte. Todos os volumes incluem também um extenso apêndice que lista todas as personagens da série de acordo com as Casas de que fazem parte, além de mapas das diferentes regiões de Westeros e de Essos.

Volumes das Crônicas de gelo e fogo:
As Crônicas de gelo e fogo: A guerra dos tronos (1996), 704 p.
As Crônicas de gelo e fogo: A fúria dos reis (1998), 784 p.
As Crônicas de gelo e fogo: A tormenta das espadas (2000), 992 p.
As Crônicas de gelo e fogo: O Festin dos corvos (2005), 784 p.
As Crônicas de gelo e fogo: A dança dos dragões (2011), 959 p.
As Crônicas de gelo e fogo: Os ventos de inverno (sem previsão)
As Crônicas de gelo e fogo: Os sonhos da primavera (sem previsão)



Cenas do seriado:


 Segue link para acompanha a série on line




Nenhum comentário:

Postar um comentário